18 de dezembro de 2014

Polêmica sobre o Zoo de Lujan

 Oi bebês, o post hoje ia ser sobre outro assunto, mas devido a grande polêmica que envolve o famoso Zoo de Buenos Aires eu resolvi adiar ou outro. Hoje eu vi uma notícia da Folha de São Paulo em que dizia que o Zoo de Lujan pode ser fechado. Não vou reescrever a publicação, mas vou resumir bem resumidamente.
 Segundo Felipe Gutierrez, a secretaria que cuida de temas agrários acredita que o procedimento do Zoo de Lujan vai contra uma lei que proíbe o contato direto dos visitantes com os animais de zoológico. Então o fechamento do mesmo foi solicitado mas a justiça ainda está analisando.
 Acredito que muitas pessoas não leram a reportagem, simplesmente tiraram conclusões com o título porque a maioria dos comentários giravam em torno da GIGANTESCA polêmica sobre os animais serem ou não dopados. E é nessa questão que o post de hoje se prende, vi muita gente dizendo que os animais são claramente dopados, em controvérsia das pessoas em que diziam que os animais não são dopados, simplesmente possuem hábitos noturnos e tal e tal. Lendo algumas respostas absurdas e sem cabimento em torno disso resolvi procurar algum argumento cabível para o tema.


 Acabei chegando nesse vídeo que conta como os animais são tratados. No vídeo Jorge Semino diz que os animais interagem com os humanos desde o momento em que nascem e se tornam "parte da família" desde muito pequenos (até mostra o nascimento de um tigrinho). O Zoo criam os animais para que sejam dóceis, se acostumem com o contato humano e não disputem entre si. Conta que usam as mamadeiras como "lanchinho", como um complemento da alimentação. Colocam os felinos para aprender a conviver com cachorros e outras espécies. Desde filhotes são alimentados com as próprias mãos dos tratadores para diferenciar o que é a comida e o que á a mão e que devem tomar cuidado com os humanos. Quando crescem os hábitos não mudam, continuam sendo tratados juntos com outros animais, os cuidadores os levam para passear com coleiras como se fossem domésticos mesmo.

Agora, eu não vi sobre elefantes, ursos, as cobras o assunto gira em torno dos grandes felinos selvagens.


Vale muito a pena assistir ao vídeo e ver que não é muito verdade que a convivência de animais selvagens com seres humanos só pode se dar se os mesmos forem dopados. Animais dopados não correm e brincam como os que aparecem no vídeo (e em vários outros). Porém temos que lembrar que os mesmos são animais de hábitos noturnos e não ficam brincando por aí o tempo todo, li (de uma pessoa que visitou o zoo) que quando vai anoitecendo os bichanos vão ficando mais despertos. 

Eu não posso dizer se são ou não dopados, muita gente diz que são sim. Acredito que com a convivência adequada eles podem sim serem dóceis pois me interesso por tigres desde que entendo por gente e vídeos dos mesmos dentro de casas, brincando com seus donos é o que não falta na internet. Mas um amigo biólogo meu acha que são dopados porque não tem como animais selvagens se acostumarem com aquele fluxo de pessoas em o uso de medicamento.


Quando eu voltar de lá dou meu veredito.
E você? O que acha sobre serem ou não medicados para agirem de forma mansa? 

Fotos retiradas do Google

Um comentário:

  1. Olá, vim lhe avisar que te indiquei em uma tag, já viu? Não? Corre lá e dê uma olhadinha! http://adolescentecriativaaa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir